Páginas

segunda-feira, 6 de maio de 2013

RESGATE DAS BRINCADEIRAS ANTIGAS

PROJETO
 RESGATE  DAS  BRINCADEIRAS  ANTIGAS

Projeto:  Resgate das Brincadeiras Antigas

Cursistas:  Emanuelle Piaia Affolter
                    Maria Roseli Hilgert
                     Rejane R. Lunardi

Escola: E.B.M Cecília Meireles

Local: Xaxim / SC

Série: 3ª Séries

Número de Alunos-38

PROBLEMÁTICA

¨     Resgate das Brincadeiras Antigas.


JUSTIFICATIVA

Que adulto não recorda dos velhos tempos de criança, quando as brincadeiras eram aprendidas entre os amigos, vizinhos e promoviam, além de divertimento, a manutenção da saúde e do desenvolvimento psicomotor?
            Sabemos que o computador, vídeo game, televisão estão tomando conta de nossas crianças e assim as brincadeiras e os brinquedos antigos estão sendo esquecidos.
            Estudos feitos na Inglaterra por cientistas esportivos, mostram que as crianças de agora são mais fracas do que as crianças de dez anos atrás. Para ele crianças passam pouco tempo ao ar livre sem fazer exercícios e muito tempo no computador navegando na internet e estão perdendo a força muscular.
            A pesquisa inglesa apontou problemas que uma infância     com poucos exercícios pode provocar por não terem  musculatura desenvolvida, essas crianças quando adultas podem acabar tendo osteoporose um enfraquecimento dos ossos que aumentam o risco de fraturas.
Ao pensarmos na importância do brincar para o desenvolvimento global, encontramos na literatura que o jogo, seja de que tipo for, é o meio natural da criança se auto expressar, já que permite libertar os sentimentos e descontentamentos, por meio da utilização do brinquedo.
            As brincadeiras servem como instrumento de estruturação do individuo. Elas não trabalham apenas uma capacidade, mas várias, como percepção motora, equilíbrio e orientação espacial.
            Dessa forma, segundo Kishimoto (1993) “se desejamos formar seres criativos, críticos e aptos para tomar decisões, um dos requisitos é o enriquecimento do cotidiano infantil com a inserção de contos, lendas, brinquedos e brincadeiras”, e é por este motivo que desenvolvemos este projeto, com intuito de resgatar as brincadeiras antigas e com as mesmas desenvolver um ensino-aprendizagem que desperte o prazer em aprender, fazendo da sala de aula em espaço cultural, de trocas de conhecimento e de oportunidades a todos.
            O projeto visa desenvolver com os alunos brinquedos e brincadeiras, cantigas e jogos antigos, a fim de conservar a memória e o prazer proporcionado por brincadeiras, possibilitando ás crianças conhecimento de que brincar não é apenas manusear objetos e jogos eletrônicos, e sim participar da construção do brinquedo, interagindo com os colegas nas brincadeiras e desenvolvendo valores importantes na formação do ser humano.


OBJETIVO GERAL

¨     Reviver e elaborar brinquedos, realizando brincadeiras que dizem muito sobre o tempo, a cultura e as características de cada lugar, reconhecendo a importância destes  como elementos da cultura local.

OBJETIVOS ESPECIFICOS

¨     Promover a socialização e interação afetiva entre criança e família;
¨     Incentivar a vivência de valores como: cooperação, respeito, justiça, solidariedade,  auto - estima;
¨     Explorar movimentos com o corpo, promovendo o desenvolvimento da motricidade ampla, equilíbrio e lateralidade;
¨     Aprimorar a motricidade fina através de trabalhos manuais e manuseio de materiais;
¨     Reaproveitar materiais usados (meia usada, lata vazia, garrafa pet, retalhos).

CONTEÚDOS

¨     Brincadeiras antigas.

DISCIPLINAS ENVOLVIDAS

¨     Educação Física;
¨     Língua Portuguesa;
¨     História;

METODOLOGIA

¨     Elaboração de questionário professor/aluno na sala de informática;
¨     Pesquisa sobre brincadeiras e brinquedos antigos na sala de informática;
¨      Entrevista com os pais;
¨     Pesquisa de materiais;
¨     Confecção dos brinquedos: peteca, pé de lata; bola de meia;
¨     Cantigas de roda: linda rosa juvenil, gato e rato, ciranda-cirandinha;
¨     Brincadeiras: estátua, amarelinha,  pular corda, esconde-esconde, passa anel.
¨     Roda de Conversa: brinquedos e brincadeiras que aprendi com meus pais e avós;



CRONOGRAMA

DATA
CONTEÚDO TRABALHADO
09/04/13
Pesquisa na sala de informática.
10/04  à 16/04/13
Datas para entrega de materiais para a confecção dos brinquedos.
17/04/13
Questionário enviado para casa.
22/04  e 23/04/13
Realização das cantigas de roda e brincadeiras.
24/04 à 30/04/13
Confecção dos brinquedos antigos.
02/05 e 03/05/13
Realização de brincadeiras com os brinquedos confeccionados.


RECURSOS UTILIZADOS

¨     Máquina Fotográfica; 
¨     Rádio;
¨     Giz;
¨     Corda;
¨     Anel;
¨     Cadeiras;
¨     Computador;
¨     Revistas;
¨     Jornais;
¨     Materiais para a confecção dos brinquedos ( palha/ pena/ barbante/ pedra/ tesoura/ latinha/ cordinhas/ prego/ garrafa pet/ tampinha/ meia/ retalhos/ jornais/ revistas/ agulha/ linha. 

CONCLUSÃO

Através deste projeto concluímos que os jogos são instrumentos de ensino aprendizagem e é também uma forma de linguagem usada para a transmissão das conquistas da sociedade.  No mundo de hoje, o lazer vem sendo transformado dia-a-dia não apenas numa conquista, mas também numa preocupação básica de todos nós. E para torná-lo mais rico e criativo nada melhor que os jogos.  
           
Segue alguns relatos dos alunos:

AVALIAÇÃO

“Achei legal, porque da para brincar, da mais animação de jogar peteca com os outros colegas”. (Stéphany – 8 anos)

“ Gostei pois a gente aprende as brincadeiras antigas, e gostei porque a gente vai aprendendo mais coisas”. (Gabriela – 8 anos)

“ Legal, porque a gente aprende a fazer e no mesmo tempo a gente brinca. As brincadeiras antigas são legais porque os nossos pais brincavam e nós também podemos brincar”. (Ana – 8 anos)

“Achei um trabalho legal, porque nós mesmos confeccionamos e depois nós podemos brincar. Achei que é um meio de resgatar uma brincadeira antiga e trazer ela para o presente”. (João – 8 anos)

“Atividade muito legal, divertida e a professora nos ajudou explicando e dando uma mãozinha para fazer”. (Andrei  8 anos)


INFÂNCIA NO INTERIOR
28
INFÂNCIA NA CIDADE
10
QUAIS BRINQUEDOS OU BRINCADEIRAS
BONECA/PEGA PEGA/PETECA/ CARRINHO/
PULAR CORDA/ PULAR TÁBUA/´PASSA ANEL/ ESCONDE ESCONDE/ BALANÇO DE TÁBUA/ MAMÃE COLA/ CIRANDA CIRANDINHA/ GATA CEGA/ AMARELINHA/BOLA/ CAÇADOR/ BRINCAR NO BARRO/ BONECA DE ESPIGA/ CARRINHO DE MADEIRA/ BONECAS DE PANO/ CASINHA DE PALHA/ PÉ DE LATA/ GATO E RATO/ ESCRAVOS DE JÓ/ NEGRINHOS DA ÁFRICA/ TELEFONE SEM FIO/ PERNA DE PAU/ BICICLETA/
CONFECÇÃO DE BRINQUEDOS
NÃO - 5
SIM - 33




ANEXO

Senhores Pais ou Responsáveis

             Durante as aulas de Educação Física, cada aluno deverá como atividade de casa, entrevistar seus pais e na próxima aula trazer a entrevista para ser colocada ao grande grupo. Estamos trabalhando com seus filhos uma atividade chamada - Resgate das Brincadeiras Antigas. Por este motivo gostaríamos que vocês respondessem o questionário a seguir. 

¨     Nome: _____________________________________________
¨     Data de nascimento: ___/­­­­___/___
¨     Onde passou grande parte de sua infância? ________________________________
¨     Em sua infância, quais foram as suas brincadeiras? ____________________________________________________________________
¨     Quais os brinquedos que utilizava para brincar em seu tempo de criança?  ____________________________________________________________________
¨     Com qual brinquedo mais gostava de brincar? ______________________________
¨     Utilizava brinquedos confeccionados por você ou por seus pais? Qual? ____________________________________________________________________
¨     Em seu brinquedo confeccionado: Quais os materiais utilizados?___________________________________________________________
¨     Como se constrói?____________________________________________________ ____________________________________________________________________
¨     E como funciona o brinquedo? __________________________________________


REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS

¨     QUEIROZ, T. D.; MARTINS, J. L. Jogos e Brincadeiras de A a Z. São Paulo: Ridel, 2002.
¨     KISHIMOTO, Tizuko Morchida. Jogos tradicionais Infantil: O jogo, a criança e a educação. Petrópolis: Vozes 1993.
¨     VALADARES, S. Educação no cotidiano escolar. Belo Horizonte: Fapi, 1999.
¨     Sites
¨     Revistas





6 comentários:

  1. Muito legal seu projeto. Nosso município está trabalhando esse tema e eu vou me servir de alguns exemplos do seu trabalho. Obrigada pelas dicas.

    ResponderExcluir
  2. legal o projeto,estou fazendo um bem parecido com esse

    ResponderExcluir
  3. legal o projeto,estou fazendo um bem parecido com esse

    ResponderExcluir

  4. Muito legal, estou fazendo um trabalho sobre este assunto, parabéns.

    ResponderExcluir
  5. PARABÉNS, excelente projeto, também estou fazendo um projeto com este mesmo tema
    .

    ResponderExcluir